27.11.11

O segredo do espelho!


Definitivamente, eu odeio baixa auto- estima. Odeio quando deparo com meninas que só sabem falar “to gorda, to feia”. Odeio quando eu mesma estou com baixa auto – estima, que ao me olhar no espelho, grito: Que ridícula! E saiu correndo. Principalmente em dias em que o sinal vermelho está aberto. Aí meu Deus, é o fim. Mas eu sempre volto pro espelho, devagarzinho e falo: Posso ser ridícula, mas pelo menos sou uma ridícula bonita. Depois de usar o adjetivo bonita, a coisa parece ficar melhor. Parece não, fica melhor.
Não adianta, crianças. Não adianta. O segredo é o espelho. O espelho, fofura. O espelho. Esqueceu? Até a madrasta da branca de neve conversava com o espelho. Ela sempre perguntava: “Espelho, espelho meu. Existe alguém no mundo mais bela do que eu?” e olha que ela era medonha. Você também não precisa falar igualzinho o blá blá blá todo de “Espelho, Espelho meu...” Fala uma coisa mais ousada do tipo: “ Se eu fosse homem, eu me pegava” ou " Se eu fosse mulher, eu me pegava".
Como é que você quer que os homens te vejam como uma divã se você mesma se trata como uma Maria marmotinha? Hein? Me diz doçuras! Se quando você se olha no espelho e só vê você em versão Fiona, acha mesmo que vai encontrar um Ken? É Óbvio. É óbvio que na sua vida só vai aparecer Shrek, Shrek, Shrek e mais Shrek. O Ken é da Barbie. Sinto em dizer, mas você não é uma Barbie e não é porque não quer. O tempo que você perde dizendo “eu to gorda” é o tempo que você estaria na academia. O tempo que você perde dizendo “eu to feia” é o tempo que você estaria em um salão de beleza, se embelezando. Acorda! Acorda! Vamos trabalhar essa auto-estima? Vamos? Ficar se auto destruindo só vai te fazer mais infeliz.
Aprende uma coisa: Ame-se. Antes de qualquer coisa, Ame-se. A magia vem aqui de dentro. Quando você se olha no espelho e sorri, mas sorri de corpo e alma. Não basta só sair bem vestida e linda, tem que sentir. Passar batom vermelho a deixa mais provocante? Passe-o. Usar vestidos curtos te faz sentir-se mais gostosa? Use-os. Abuse da sua sensualidade, mulher. Porém, cuidado. Não vá reclamar se até o padeiro conseguir ver o seu útero. AHH! Antes que eu me esqueça, tem um detalhe importante: Saiam pra qualquer lugar sentindo como se estivessem usando espartilho e cinta-liga mesmo que você esteja apenas com um conjuntinho bege broxante. Cadê o poder de sedução, mulherada? Viver nesse desamor próprio não dá, querida. 
Eu não falo isso só para as mulheres. Agora é com vocês homens. Sinceramente, tem homem que deve sofrer da síndrome do taco mole. SÓ PODE! Vão ser inseguros e poucos de si longe de mim. Que isso gente. Bando de frouxos. Sonsos. Cadê o charme? Cadê a essência masculina? Homem banana é o fim da picada, fala sério. Tem o espelho, queridinhos. Detalhe: Eu não estou generalizando nada aqui, também não estou referindo- me a nenhuma mulher e a nenhum homem. Se acontecer da carapuça servir, que sirva.  
Tá. Tá. Tá. Não vale dizer: " Falar é fácil. Vai por isso em prática." Graçinha, cada um que zele pela sua vida. Cada um que equilibre a sua balança. Auto - estima é pior que criança, se descuidar um pouquinho, dá merda. Só acreditem no que eu estou falando: O segredo do espelho. Xiu! Não conta pra ninguém não, seus bobos. Isso é segredo. Segredinho. Segredado. Vem aqui do meu ladinho, que eu vou falar bem baixinho: Funciona. Eu garanto!
Anna Carolina Moratto.

Um comentário:

Karoline Ferreira disse...

Ameeeeei!!! Eu me amo muuuuito, mas isso vale para todas aquelas mulheres lindas que se menosprezam... Somos lindas só pelo fato de sermos nós mesmas! haha Amei ♥