26.7.11

Dias assim...

Dias assim eu gostaria que nem existisse. A razão da minha indisposição hoje não é culpa da insônia ou de alguém que seja. Só acordei assim, meio sei lá.  Coração cabisbaixo, quietinho, solitário. Talvez ele esteja contraindo a paixão de maneira receosa, tímida. Só que sei lá! Hoje eu não quero nem saber, não quero conversar. Para toda extroversão, há uma introversão. Acho justo. Não é todos os dias que sorrimos junto com o sol...


Anna Carolina Moratto. 

Um comentário:

Letícia disse...

Dias assim.. são normais. Todo riso precisa de uma pausa, tome fôlego, e volte a sorrir. :D