29.4.11

Zero x Zero.

Ela já tinha chegado na fase da indiferença mas, caiu em tentação. Voltou a estaca zero. Colocou as cartas à mesa e deu inicio a uma nova partida. Ela não saiu da sua bolha de orgulho, ele também não. 
Então, ficou assim . . . a galera na expectativa, ela sem muito o que esperar e ele sem reação. Isso resultou em uma partida sem êxito, como a primeira. Não por culpa dela, mas dele por não ter atitude. Ele teve o luxo de ter duas chances, mas não soube aproveitar nenhuma. Ela pensou que iria se sentir arrasada por isso, mas que nada! Agora percebe que confundiu os naipes e em relação ao lance de gostar dele, puro caô. Quanto aos dois, vão continuar orgulhosos, covardes e insensíveis. Ela sem nenhum manifesto qualquer, e ele sem nenhuma explicação, se despede com um leve abraço e um " até Junho", mas ela apenas o deseja " Boa Viajem".
E assim, ela coloca o ponto final, vira a página, abandona o barco.

4 comentários:

Larissa disse...

Já era hora de virar a página. Até achei que essa página tinha sido virada a muito tempo. Mas nunca é tarde para se fazer o certo. Tomara que ele se arrependa de ter perdido DUAS oportunidades. Tolo ele que perdeu alguém tão especial.
E acho que falei demais. ENFIM...

Um beijo, miguete.
E ah, recebi suas mensagens aquele dia. Só não respondi por falta de crédito. af, mas já respondi ao seu e-mail.

Cecília disse...

Virar páginas, colocar pontos.. só é bom quando não dói. Tomara que ela siga sem olhar pra tras. bjo.

- maria isabella . disse...

gay, gay, gay! KKKKKKKKKKKKKKK

Lucas d'lima disse...

Tomara, queira Deus que eu não fique assim com ....,vlew blog fera